Rei Davi Capítulo 55, quinta-feira, 14 de janeiro

 

Rei Davi Capitulo 55

Rei Davi Capítulo 55, Quinta-Feira, 14 de janeiro

 

Absalão percebe que a batalha está praticamente perdida e decide fugir a cavalo. Itai o vê e vai atrás. Absalão cavalga a toda velocidade, quando de repente, fica preso pelos cabelos em uma árvore. Pendurado, fica desesperado. Itai se aproxima, mas não sabe o que fazer. Joabe chega em seguida e pergunta porque Absalão ainda está vivo. Itai explica que Davi ordenou que não fizessem nada contra seu filho. Furioso, Joabe pega sua lança e crava com toda a força no peito de Absalão, que agoniza até morrer. Bate-Seba conta a Davi que foi Allat quem salvou Salomão das mãos de Mical. Se conseguir retornar a Jerusalém, ele promete punir sua primeira esposa.

Um shofar toca ao longe. Davi sabe que esse é o sinal de Joabe avisando sobre o fim da guerra. Ele fica ansioso. O corpo de Absalão é jogado em uma cova funda. Joabe e Itai observam o homem ser enterrado e trocam um olhar cúmplice. O ferreiro sabe que não pode contar nada, mas apoia Joabe. O general pede que Jonadabe dê as boas notícias para Davi. O ungido de Deus fica em choque ao saber que perdeu mais um filho. Ele caminha desnorteado e começa a chorar, desesperado. Davi grita de dor. Na tenda, Joabe se aproxima de Davi e afirma que todos os soldados foram humilhados. Depois que deram o sangue para salvar o povo, se sentem culpados porque o rei chora pela morte do filho que se tornou inimigo. Davi só ouve, sem reagir. Firme, Joabe afirma que Davi estaria mais feliz se Absalão, o traidor, estivesse vivo enquanto todos os seus soldados fossem mortos em batalha. Davi sai da tenda, acompanhado por Joabe. Com um semblante melhor, conformado, ele motiva todos os soldados e afirma que o grupo deve retornar para Jerusalém. Os homens gritam eufóricos e comemoram, felizes. Aitofel fica assombrado ao saber que Absalão morreu. Mical fica apavorada ao descobrir que Davi está voltando. Aitofel arruma a casa meticulosamente. Em seguida, prepara uma corda de couro e amarra no teto. Ele se enforca. Mefibosete ouve a festa da chegada de Davi e se aproxima. Tirsa fica aliviada ao vê-lo. Ele vai até Davi e conta que foi enganado por Ziba. O servo logo se aproxima. Como não sabe quem fala a verdade, Davi decide dividir as terras de Saul entre os dois. Mefibosete afirma que Ziba pode fica com tudo, afinal, para ele só importa a paz após o retorno do rei. Ele vai se retirar, digno, mas Davi pede que espere

Seja o Primeiro a comentar

Deixe seu comentario!

Seu e-mail não será publicado.


*